Início / Noticias / Estudante mentiu sobre estupro em universidade, diz polícia

Estudante mentiu sobre estupro em universidade, diz polícia

Polícia Civil chegou a fazer retrato falado dos homens (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

A jovem que supostamente foi estuprada nas dependências da Universidade Positivo mentiu para a polícia. Essa foi a conclusão do inquérito que investigou o caso ocorrido em abril de 2017.

A suspeita começou logo no início da denúncia, pois a jovem demorou duas semanas para comunicar o crime.

Na denúncia, a jovem disse que recebeu uma mensagem por celular para que fosse ao auditório assistir uma palestra e, durante o trajeto, foi atacada por dois homens encapuzados em uma passarela dentro da instituição.

A partir da análise do celular da jovem os investigadores perceberam que a mensagem recebida nunca existiu. Em uma novo depoimento ela confessou que mentiu. Durante a investigação a estudante chegou a dar características que geraram um retrato falado feito pela Polícia Civil.

A jovem vai responder por falsa comunicação de crime, com penas que variam de seis meses a um ano de prisão, além de multa.

Protesto

Em abril de 2017, estudante chegaram a fazer um protesto pedindo mais segurança dentro da instituição depois do suposto caso de estupro. À época, em nota, a instituição disse que criou um comitê para estudar possibilidades de melhoria em toda a estrutura de segurança.

Nota

Veja a nota da Universidade Positivo na íntegra:

Diante do relatório final do inquérito divulgado pela Polícia Civil por meio da Delegacia da Mulher, que concluiu pela inexistência de crime em suas dependências, a Universidade Positivo (UP) demonstra sua satisfação por ter sido esclarecido o fato denunciado – confessadamente inverídico – e agradece o minucioso trabalho policial realizado, com o qual a UP sempre colaborou e colabora, com transparência e rapidez.

Informamos ainda que nosso foco continua sendo a prestação de todo o suporte à nossa comunidade, preservando os envolvidos e oferecendo a eles o atendimento necessário. A UP continuará a aprimorar as medidas de segurança em seus espaços, contando com a parceria do Comitê de Melhorias Estruturais da Universidade Positivo, do qual participam funcionários e alunos da instituição, assim como representantes da comunidade.

Sobre Redação

Principais noticias e destaques do Brasil e do Mundo. Com conteúdo das melhores agências de notícias e assessorias, tudo selecionado pela Redação do Blog do Riomar Bruno.

Deixe uma resposta