Acontecendo

sexta-feira, 31 de março de 2017

Graer terá base na região dos Campos Gerais

Prefeito Polato com o deputado Sandro Alex e o Major Pucci

A região dos Campos Gerais poderá contar com o Grupamento Aéreo de Resgate (Graer) nos próximos meses. A expectativa é que os serviços do Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas estejam em funcionamento ainda em 2017. O anúncio da implantação foi feito na ultima reunião dos prefeitos da Associação dos Municípios dos Campos Gerais (AMCG). “Estamos unidos sempre em busca de um objetivo maior, de melhorias para nossa população”, destacou o presidente da entidade, o prefeito de Jaguariaíva, José Sloboda.

O trabalho para a implantação do Graer está sendo angariado por políticos da região, com o apoio dos deputados estaduais Plauto Miró Guimarães, Hussein Bakril e do deputado federal Sandro Alex. Os dois últimos participaram do encontro dos prefeitos. “O Graer Campos Gerais é uma conquista da AMCG”, apontou Sandro.

Conforme o vice-presidente da AMCG, Marcelo Rangel, o Graer terá como base o município de Ponta Grossa, já que conta com o Aeroporto Santana como facilitador. Lá, inclusive, é uma possibilidade de ser o local de funcionamento do hangar do Batalhão de Operações Aéreas. “Temos também o Samu e o Corpo de Bombeiros estruturados, e uma rede hospitalar preparada para receber os pacientes de alta complexidade”, explica.

Do Grupamento, o Major Pucci esteve presente e explicou o funcionamento do resgate aéreo. Conforme o major, apesar de Ponta Grossa ser o município sede, os maiores beneficiados com a implantação serão os municípios do entorno, já que dificilmente uma aeronave irá decolar para atender emergências nos bairros.

Entre os municípios da AMCG, o Resgate Aéreo acontecerá em no máximo 25 minutos que é o tempo de alcance dos municípios mais distantes, como Sengés, por exemplo. O major destacou que este tempo do resgate é essencial para a recuperação dos pacientes. “Quando falamos em traumas trabalhamos com a chamada hora de ouro”, explicou Pucci, lembrando que caso esses resgate sejam feitos em menos de uma hora, as chances são maiores para os pacientes. “Eles terão menos sequelas e o estado terá que gastar menos com a sua recuperação”, destaca.

Entre os municípios da AMCG, o tempo será de 25 minutos, mas o Graer trabalha no entorno de 40 minutos de deslocamento. Com outras bases descentralizadas atuando em Londrina, Maringá e Cascavel, a ideia é que qualquer cidadão paranaense possa ser atendido neste período de 40 minutos, já que uma regional se sobrepõe a outra. “E Ponta Grossa tem localização estratégica para conseguirmos essa abrangência”, avalia o major.

Apesar de contar com base na região dos Campos Gerais, o Graer incluirá atuação em 70 municípios, totalizando mais de 1 milhão de pessoas que poderão ser atendidas.

Multimissão


Apesar do Batalhão de Polícia Militar de Operações Aéreas priorizar a vida humana com o resgate em situações de urgência e emergência, a instituição trabalha com o conceito de multimissão. “Nós potencializamos nossa ferramenta de trabalho também em outros casos”, explica o Major Pucci, citando a segurança pública, os resgates em matas e o trabalho em enchentes, por exemplo.



*Fonte AMCG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

» Os comentários não são de responsabilidade do Blog do Riomar Bruno;
» Os comentários deste Blog são todos moderados;
» Escreva apenas o que for referente ao tema;
» Ofensas pessoais ou spam não serão aceitos;
» Faça comentários relevantes;
» Para entrar em contato acesse nosso formulário de contato;
» O Blog não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo;
» Ao comentar você declara que leu e aceita as regras dos comentários e que ele não fere o Marco Civil da Internet;
» Obrigado por sua visita e volte sempre.

Doações
Todo o conteúdo do Blog do Riomar Bruno é gratuito, mas você pode ajudar nos custos de manutenção e produção do Blog. Faça sua doação, clique aqui para saber como.
Blog do Riomar Bruno
Rua Conrado Buhrer, 255 - Centro
Porto Amazonas - PR
Jornalista Responsável: Riomar Bruno dos Santos Ferreira
Comercial: (42) 99144-3838
falecom@riomarbruno.com.br
- As informações e conceitos emitidos em colunas, matérias e artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores, não representando necessariamente a opinião do Blog do Riomar Bruno.
-Textos e imagens de nossa redação podem ser reproduzidos gratuitamente, apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da fonte. Conteúdos e imagens aqui veiculadas são de responsabilidade das fontes aqui citadas
Duvidas e sugestões entre em contato.