Acontecendo

domingo, 7 de agosto de 2016

Mais de 1,5 milhão de motoristas foram multados em 2016 no Paraná


Apenas no primeiro semestre de 2016, os motoristas paranaenses cometeram 1,5 milhão de infrações de trânsito. Os dados foram divulgados pelo Governo do Paraná no sábado (6). O número é 17% do que o registrado no mesmo período de 2015, quando foram 1,3 milhão de multas.

De acordo com o governo estadual, a principal causa das autuações continua sendo o excesso de velocidade, somando 444 mil multas.

Há três tipos de infrações previstas em lei para quem trafega acima do limite de velocidade: até 20% da velocidade permitida, entre 20% e 50% e acima de 50% do indicado para a via. Destas, a mais cometida pelos motoristas é dirigir em até 20% acima do limite permitido. De janeiro a junho deste ano, foram registradas 436.613 autuações por este motivo, o equivalente a 28% do total de infrações.

Em segundo lugar estão aqueles condutores que estacionam em desacordo com a regulação, no estacionamento rotativo, com 121.205 multas, seguidos pelos aqueles que avançam o do sinal vermelho, com 82.191 infrações. Já a velocidade entre 20% e 50% do permitido soma 74.447 multas, bem como a falta do uso do cinto de segurança, que totaliza 66.774 autuações.

Dirigir falando ao celular continua sendo uma das grandes preocupações do Departamento de Trânsito do Paraná (Detran-PR). Mais de 60,6 mil motoristas foram flagrados falando ao telefone e dirigindo. Já a falta de registro de veículo após o prazo de 30 dias da venda, soma 59.890 multas.

Para fechar o ranking das 10 infrações mais comuns, estão aquelas relacionadas a estacionamento: estacionar em local ou horário proibido (44.184 autos), estacionar em desacordo com a sinalização (32.771) e estacionar na calçada (31.029).

Municípios
Curitiba registrou 619.432 multas de trânsito nos primeiros seis meses de 2016, de acordo com o Governo do Paraná. Houve um aumento de 31% na comparação com o ano passado, quando foram registradas 472.758 autuações.

A cidade de Londrina, na região norte do estado, instalou novos radares neste ano e teve a maior alta para o período: 73%. Passou de 58.150 infrações em 2015 para 100.474 em 2016.

Foz do Iguaçu e Ponta Grossa também tiveram aumento no número de infrações, 26% e 29%. A cidade do Oeste do Estado registrou 60.414 multas em 2015 e 76.012 em 2016. No município dos Campos Gerais, o número era de 36.921 e chegou a 47.597.

Maringá e Cascavel continuam no ranking, mas registraram queda nas infrações. A primeira, de apenas 0,39%, passando de 159.519 autuações entre janeiro e junho de 2015, para 158.903 nos mesmos meses de 2016. Já a segunda teve queda de 24%: foram 67.589 multas no primeiro semestre do ano passado e 50.940 neste ano.

De todas as infrações registradas no Paraná, 69% são de competência dos órgãos municipais de trânsito, principalmente devido ao uso de fiscalização eletrônica, que permite maior capilaridade e precisão. Os órgãos estaduais, como o Detran e a Policia Rodoviária Estadual, por exemplo, respondem por 13% das autuações emitidas.
















*Imagem: Ilustrativa


Nenhum comentário:

Postar um comentário

» Os comentários não são de responsabilidade do Blog do Riomar Bruno;
» Os comentários deste Blog são todos moderados;
» Escreva apenas o que for referente ao tema;
» Ofensas pessoais ou spam não serão aceitos;
» Faça comentários relevantes;
» Para entrar em contato acesse nosso formulário de contato;
» O Blog não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo;
» Ao comentar você declara que leu e aceita as regras dos comentários e que ele não fere o Marco Civil da Internet;
» Obrigado por sua visita e volte sempre.

Doações
Todo o conteúdo do Blog do Riomar Bruno é gratuito, mas você pode ajudar nos custos de manutenção e produção do Blog. Faça sua doação, clique aqui para saber como.
Blog do Riomar Bruno
Rua Conrado Buhrer, 255 - Centro
Porto Amazonas - PR
Jornalista Responsável: Riomar Bruno dos Santos Ferreira
Comercial: (42) 99144-3838
falecom@riomarbruno.com.br
- As informações e conceitos emitidos em colunas, matérias e artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores, não representando necessariamente a opinião do Blog do Riomar Bruno.
-Textos e imagens de nossa redação podem ser reproduzidos gratuitamente, apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da fonte. Conteúdos e imagens aqui veiculadas são de responsabilidade das fontes aqui citadas
Duvidas e sugestões entre em contato.