Acontecendo

terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Parte de quadrilha que matou inocente na Lapa é presa



Em um trabalho conjunto das Polícias Militar do Paraná e de Santa Catarina, cinco integrantes da quadrilha suspeita de ter assaltado a agência da Caixa Econômica Federal na Lapa, região metropolitana de Curitiba, na tarde desta segunda-feira (15), foram presos no limite com São Mateus do Sul. Na ação dos marginais, Irineu Pedro Kurk, dono de uma sorveteria próxima à agência, morreu após ser atingido por um disparo.

A quadrilha estava em um sítio em Antônio Olinto, na região de Água Amarela. Na propriedade, foram presos um homem que cuidava do local e outros quatro suspeitos de participarem da ação criminosa. Durante a operação, os policiais ainda apreenderam dois carros que não tinham alerta de roubo, um Audi e uma S10, que teria sido usada no assalto. Também foram localizados coletes balísticos, munições, uma metralhadora e uma grande quantidade em dinheiro.

ASSALTO

Tendo chegado informações ao Copom da Lapa de que indivíduos armados estariam em frente à Caixa Econômica, as equipes se mobilizaram deslocando para o local, porém foram recebidas a tiros de fuzil, por elementos que estariam efetuando o referido roubo. A equipe Rotam tentou a aproximação, porém não conseguiu progredir.

Os elementos então evadiram-se pela Rua Barão do Rio Branco, sendo que visualizaram a Rocam deslocando por essa mesma via em sua direção e passaram então a realizar vários disparos na direção dos policiais e para o alto. Os policiais das motos então abrigaram-se, revidaram os disparos de arma de fogo, porém o veículo evadiu-se sentido Capela Mortuária. Tendo abandonado o veículo utilizado na fuga, um GM Cruze prata, pegaram então uma GM S10 prata e empreenderam fuga rumo ignorado.

AÇÃO

Tendo as equipes da 1ª CIPM tomado conhecimento iniciou-se um cerco e somado às informações de populares as buscas concentraram-se na região da Água Amarela, entre a cidade da Lapa e São Mateus do Sul; lá a equipe RPA de São Mateus visualizou um veículo Audi A3 preto próximo à BR e logo em seguida a S10 prata onde estariam os autores do roubo. Passou a acompanhar os veículos, tendo-os perdido ainda na referida região.

Posteriormente, tendo recebido informações de populares, efetuaram abordagem de um veículo L200 vermelho, onde estavam dois indivíduos, os quais alegavam terem feito compras para um churrasco com seus filhos, sendo indagados de onde eles seriam responderam que seriam do Sítio Cercado, em Curitiba. Ainda, tendo-lhes sido feitas várias perguntas, responderam de forma desconexa, o que gerou suspeita dos policiais e assim decidiram por realizar a abordagem à chácara onde a caminhonete dos indivíduos foi avistada.

Verificando a dificuldade e risco de abordagem do local, solicitaram apoio à Polícia Militar de Santa Catarina e da Rotam da 1ª CIPM e, então, deslocaram para fazer verificação em uma chácara. Que chagando ao local foram recebidos a tiros de fuzil, onde se abrigaram e revidaram, tendo os elementos fugido pelos fundos da chácara, região de mato, sem serem localizados inicialmente. Os elementos deixaram para trás armamento (uma metralhadora 9mm), várias munições de diversos calibres, um malote de dinheiro, roupas e demais apetrechos utilizados ou provenientes do roubo à Caixa Econômica Federal.


APREENSÃO

Dois elementos foram localizados no banhado saindo por um carreiro para a estrada sentido BR e foram abordados tendo consigo uma mochila onde foram encontrados R$64.990,00 em espécie. Negaram relação com o roubo, mas alegaram estarem apenas dando fuga aos elementos que efetuaram o referido roubo.

Ainda posteriormente chegou em apoio uma equipe Canil da PMSC, o qual auxiliou em buscas em um perímetro ao redor da chácara, não sendo localizados nenhum indivíduo nem armamento utilizado por estes. Assim, após aguardar a chegada da perícia da Polícia Federal na chácara foram deslocados os policiais envolvidos, o material apreendido e os indivíduos presos, com apoio do Comando RONE, à Superintendência da Polícia Federal em Curitiba.

Ao todo foram contabilizados a apreensão de R$256.000,00 em espécie, várias folhas de cheque, diversos produtos, três veículos que foram utilizados na fuga, uma metralhadora 9mm, diversos estojos de munição .223, .556, .9mm, entre outros calibres.


*Com informações do Plantão Policial WhatsApp , Radio Legendaria
*Imagem: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário

» Os comentários não são de responsabilidade do Blog do Riomar Bruno;
» Os comentários deste Blog são todos moderados;
» Escreva apenas o que for referente ao tema;
» Ofensas pessoais ou spam não serão aceitos;
» Faça comentários relevantes;
» Para entrar em contato acesse nosso formulário de contato;
» O Blog não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo;
» Ao comentar você declara que leu e aceita as regras dos comentários e que ele não fere o Marco Civil da Internet;
» Obrigado por sua visita e volte sempre.

Doações
Todo o conteúdo do Blog do Riomar Bruno é gratuito, mas você pode ajudar nos custos de manutenção e produção do Blog. Faça sua doação, clique aqui para saber como.
Blog do Riomar Bruno
Rua Conrado Buhrer, 255 - Centro
Porto Amazonas - PR
Jornalista Responsável: Riomar Bruno dos Santos Ferreira
Comercial: (42) 99144-3838
falecom@riomarbruno.com.br
- As informações e conceitos emitidos em colunas, matérias e artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores, não representando necessariamente a opinião do Blog do Riomar Bruno.
-Textos e imagens de nossa redação podem ser reproduzidos gratuitamente, apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da fonte. Conteúdos e imagens aqui veiculadas são de responsabilidade das fontes aqui citadas
Duvidas e sugestões entre em contato.