Acontecendo

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

Escolas do Paraná começam receber primeira remessa da merenda


As escolas da rede estadual de ensino começam a receber nesta segunda-feira (22) a primeira remessa de alimentos para a merenda escolar. São mais de duas toneladas de alimentos não perecíveis. O investimento é de cerca R$ 9 milhões. A partir do dia 29, quando inicia o ano letivo, as unidades escolares vão receber a primeira remessa de carnes de frango, bovina, suína e filé de peixe.

Para este ano, serão destinados R$ 100 milhões para a aquisição de alimentos para a merenda escolar. O investimento é parte do Programa Estadual de Alimentação Escolar, que prevê refeições com cardápio diversificado, pois assim os estudantes terão todos os nutrientes necessários ao seu desenvolvimento. Nesta primeira remessa dos alimentos não perecíveis serão entregues produtos como açúcar, arroz, cereais, biscoito, chá, ervilha, milho verde, feijão, macarrão. Os alimentos devem suprir 43 dias letivos.

A lista de alimentos entregues as escolas contemplam mais de 150 itens divididos em três grupos: produtos não perecíveis, entregues quatro vezes por ano as escolas; alimentos congelados (carnes e peixes), entregues a cada 15 dias; e os alimentos da agricultura familiar, que são encaminhados semanalmente às escolas. “Temos um cuidado muito grande em relação à compra de alimentos mais saudáveis. Esse acompanhamento é feito por nutricionistas”, explicou a coordenadora de alimentação e nutrição escolar, Márcia Stolarski.

NO PARANÁ – A merenda escolar nas escolas do Paraná tornou-se referência nacional nos últimos anos pela qualidade das refeições, que são servidas diariamente a mais de um milhão de estudantes. Além dos alimentos não perecíveis, as unidades de ensino recebem frutas, verduras, legumes, tubérculos, panificados e complementos diretamente do produtor através do programa Agricultura Familiar.

Com mais opções, as merendeiras podem variar o cardápio tornando a merenda mais saborosa e nutritiva. Além da variedade de produtos, a Secretaria de Estado da Educação oferece cursos de capacitação às merendeiras e merendeiros, na modalidade à distância, para que os profissionais atualizem conhecimentos e caprichem no preparo da alimentação para os alunos.

*Com informações da Agência Estadual de Noticias
*Imagem: AEN/Ilustrativa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

» Os comentários não são de responsabilidade do Blog do Riomar Bruno;
» Os comentários deste Blog são todos moderados;
» Escreva apenas o que for referente ao tema;
» Ofensas pessoais ou spam não serão aceitos;
» Faça comentários relevantes;
» Para entrar em contato acesse nosso formulário de contato;
» O Blog não se responsabiliza pelos comentários, opiniões, depoimentos, mensagens ou qualquer outro tipo de conteúdo;
» Ao comentar você declara que leu e aceita as regras dos comentários e que ele não fere o Marco Civil da Internet;
» Obrigado por sua visita e volte sempre.

Doações
Todo o conteúdo do Blog do Riomar Bruno é gratuito, mas você pode ajudar nos custos de manutenção e produção do Blog. Faça sua doação, clique aqui para saber como.
Blog do Riomar Bruno
Rua Conrado Buhrer, 255 - Centro
Porto Amazonas - PR
Jornalista Responsável: Riomar Bruno dos Santos Ferreira
Comercial: (42) 99144-3838
falecom@riomarbruno.com.br
- As informações e conceitos emitidos em colunas, matérias e artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores, não representando necessariamente a opinião do Blog do Riomar Bruno.
-Textos e imagens de nossa redação podem ser reproduzidos gratuitamente, apenas para fins jornalísticos, mediante a citação da fonte. Conteúdos e imagens aqui veiculadas são de responsabilidade das fontes aqui citadas
Duvidas e sugestões entre em contato.